Perception of diagnosis on municipal solid waste of Ipameri-GO population

M. C. Vieira, A. P. Pelosi, M. S. P. Paula, E. S. Silva, U. Carneiro

Resumo


The issue of disposal of municipal solid waste (MSW) generated in households in the cities, has sparked debates and demanded research papers in order to promote and disseminate the handling and packaging suitable for the trash. The way of handling these wastes and their disposal in the city of Ipameri-GO and destination that provides this population has caused serious inconvenience to the community. Therefore, this work aimed, through interviews with residents of different neighborhoods of Ipameri, identify problems related to the management of household waste and diagnose the level of perception of the subject population. It was observed in this study that the handling of the solid waste in Ipameri has proved inefficient further by a lack of public education policy and hence the environment, in which the lack of activity of the population. The population in theoretical and scientific knowledge is lacking, regardless of social and economic class, although empirically this same population, presents itself willing to perform the selective collection and recycling of solid waste. This fact raises larger government incentives and investments in educational policy so that we can develop a policy for Environmental Education (EE), to be fruitful and lasting.

Palavras-chave


organic waste, waste managemen, waste sorting, sustainable development.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, R. M. A Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos no Brasil frente às questões da globalização. Revista Eletrônica do Prodema, Fortaleza, v. 6, n.1, p. 7-22, 2011.

ABRELPE. Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais. São Paulo, 2012. 116 p.

ABRELPE. Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais. 2010. 200p.

BOFF, L. Saber Cuidar: Ética do Ser Humano Compaixão pela terra. Petrópolis, RJ: Vozes, 1999. 176p.

BRASIL, LEI No 9.795, DE 27 DE ABRIL DE 1999. Disponível em < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9795.htm> Acesso em: 20 jan. 2015.

REDE NACIONAL DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL- COEP- Lixo, Reciclagem, Reaproveitamento e Clima. Oficina do Eixo Temático Erradicação da Miséria Facilitador: Carlos Oliveira – consultor Instituto Pólis Rede Mobilizadores Maio-2012. 34p. Disponível em: < www.coepbrasil.org.br >. Acesso em: 20 de fev. 2015.

CARVALHO, G. S. Lixo: conseqüências, desafios e soluções. Cursos Online | Educação e Gestão Ambiental | Meio Ambiente | Lixo:conseqüências, desafios e soluções. p.1, 2008.

Casarin. A. S. Diagnóstico dos resíduos sólidos urbanos no município de Morro Redondo/RS. Trabalho acadêmico. 2013, 75f. Curso de Engenharia Sanitária e Ambiental, da Universidade Federal de Pelotas, 2013.

COSTA, L. A. Mapa cartográfico do município de Ipameri. 2010.

CEMPRE. COMPROMISSO EMPRESARIAL PARA A RECICLAGEM. Política Nacional de Resíduos Sólidos Agora é Lei: Novos desafios para poder público, empresas, catadores e população. 2011.

DIAS, S. M. F. Educação Ambiental e Mobilização Comunitária para o Manejo Integrado dos Resíduos Sólidos Urbanos gerados no Arraial de São Francisco da Mombaça – Bahia. IV Encontro Nacional da Anppas, Brasília - DF – Brasil, 2008. 15p.

IBGE. Instituto Brasileiro de geografia e Estatística. Dados do Censo 2010 publicados no Diário Oficial da União do dia 04/11/2010. Disponível em: Acesso em: 21 de jan. de 2011.

IBAMA. Educação Ambiental: as grandes orientações da Conferência de Tbilisi. Brasília: IBAMA/UNESCO, 1997. (Coleção Meio Ambiente - Série Estudos Educação Ambiental especial).

JACOBI, P. Educação ambiental, cidadania e sustentabilidade. Cadernos de Pesquisa, n. 118, p.189-205, 2003.

LOPES, M. A. Percepção ambiental dos moradores de Viçosa sobre resíduos sólidos. 2012. 50f. Trabalho de Conclusão de Curso Faculdade Redentor, Auditoria, Perícia e Gestão Ambiental. 2012.

LOVATO, P. A.; SILVA, C. A. Diagnósticos dos Resíduos Domiciliares no Município de Rolândia, PR. Revista de Ciências Ambientais, Canoas, v.8, n.2, 2014.

MATOS, C. Média de moradores por domicílio no país cai para 3,3. Disponível em: . Acesso em 08 de out. de 2011.

PINHEIRO, M. P.; GOMES, P.; HARA, F. A.; MARIA, Y. R. Resíduos sólidos urbanos e educação ambiental no município de Presidente Prudente-sp. Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, vol. 10, n. Especial, p. 420-426. 2013.

RIBEIRO, M. D.; LEITE, V. D.; PRASAD, S.; OLIVEIRA, S. A. Diagnóstico dos Aspectos Ambientais dos Resíduos Sólidos Descartados Nas Ruas Do Centro Comercial e no Lixão da Cidade de Campina Grande-Pb. In: 24º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental, Anais... Campina Grande: ABES-Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2007. p.1-9. 1 CD ROM.

RODRIGUES, F. L. Lixo: De onde vem? Para onde vai? 9. ed. Moderna: São Paulo, 2001. 17p.

SCHEREN, M. A.; FERREIRA, F. A Educação ambiental e a gestão integrada do tratamento e destino final dos resíduos sólidos no município de sede nova/RS. Revista eletrônica de mestrado em educação ambiental. v.13, p. 151-161, 2004.

SANCHES, S. M.; SILVA, C. H. T. P.; VESPA, I. C. G.; E VIEIRA, E. M. A importância da compostagem para a educação ambiental nas escolas. QUÍMICA NOVA NA ESCOLA. n.23, p.13, 2005.

SPITZCOVSKY, D. Produção de lixo cresce seis vezes mais do que população. Planeta Sustentável. Disponível em: . Acesso em: 01 mar. de 2015.

.

SEMMA. Secretaria de Meio Ambiente de Ipameri. Informe municipal. 2008. 32p.

SEMARH. Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos. Diagnóstico do monitoramento dos sistemas de disposição do lixo urbano dos municípios goianos. Ferreira, Osmar Mendes. 2009. 47p.

SIEG. Sistema Estadual de Estatística e de Informações Geográficas de Goiás. Disponível em:< http://www.sieg.go.gov.br/.> Acesso: fev. 2010.

SILVA, S. M. Contribuição da coleta seletiva e da reciclagem para redução de resíduos sólidos urbanos. Pós-Graduação em Biociências Forenses pela PUC-GO/IFAR, 2012. Disponível em: < http://www.cpgls.ucg.br/7mostra/Artigos/SAUDERESÍDUOS SÓLODPSURBANOS[1].pdf>. Acesso em: 03 mat. 2015.

SOUSA, J. R. Influência da utilização do lixo orgânico urbano como fonte de biofertilizante e composto para o desenvolvimento de ipê-mirim (Tecoma stans) com duas lâminas de irrigação. 75 f. (Tese de Doutorado), Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Jaboticabal, 2012.

SOUZA, H. A.; CAMPOS, A. C.; NAVES, L. C. R. A importância do ensino da Educação Ambiental em escolas públicas da região metropolitana de Goiânia, GO. Anais...IV Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental Salvador/BA – 25 a 28/11/2013. IBEAS, Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais e Saneamento, 2013.

VIEIRA, A. B. Implantação de composteiras domésticas: avaliação da percepção da população urbana de Indaial – SC In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL, 2003. Anais... Joinville- Santa Catarina. p.197-2001. 1 CD ROM. 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.